2022-08-14 09:13:00 Jornal de Madeira

Desportivo de Chaves confiante em trazer pontos da Madeira

O treinador do Desportivo de Chaves disse que acredita que vai encontrar “um Marítimo forte”, mas garantiu ter “confiança máxima” no plantel que irá defrontar a equipa madeirense na segunda jornada da I Liga de futebol. “Segundo jogo de uma longa caminhada de 34 jornadas. Vamos encontrar um adversário valoroso. Nota-se que é uma equipa bem trabalhada, que sabe o que faz e, por isso, tem de ser um Chaves no seu melhor nível, muito concentrado, muito focado, muito ligado, ciente das dificuldades”, frisou Vítor Campelos, na conferência de imprensa de antevisão à visita ao Marítimo, na segunda-feira, às 15:30, para a segunda jornada do principal escalão do futebol nacional. Depois de uma derrota em casa frente ao Vitória de Guimarães (1-0), o treinador quer agora “dar continuidade ao trabalho” que a equipa tem feito desde o início da época, acreditando que estará mais forte face ao último jogo. “A minha ideia é de otimismo, porque os meus jogadores têm trabalhado muito bem. Queremos fazer um bom jogo porque sabemos que jogando bem estamos mais perto de fazer bons resultados”, frisou o treinador. O Marítimo, que, tal como os flavienses, ainda não conquistou pontos na I Liga, vai fazer a sua estreia a jogar em casa frente a um Desportivo de Chaves, que, apesar de não ter divulgado a lista de convocados, viaja para a Ilha da Madeira com uma ausência certa, a do guarda-redes Rodrigo Moura, e quatro dúvidas por esclarecer, Euller, Obiora, Juninho e João Correia. “Como é óbvio, todos juntos somos mais forte. Este foi o nosso lema desde que aqui cheguei, já há algum tempo. Se tivermos o plantel todo disponível, com toda a certeza seremos mais fortes. Temos de nos focar nos jogadores que vão entrar de início. Estou convicto que vão dar uma boa resposta e o melhor deles próprios”, sublinhou Vítor Campelos. Apesar das baixas esperadas, o treinador admitiu ter “confiança máxima naqueles que vão jogar”, garantindo que “estão mais do que preparados” para fazer “um bom jogo”. Sobre o adversário, acredita que vai encontrar “um Marítimo forte” e que vai “querer fazer um bom jogo”. “Temos que estar no máximo das nossas capacidades, confiantes, a acreditarmos muito no trabalho que tem sido feito, a acreditar muito nos jogadores e eles acreditarem neles próprios. Queremos estar a um bom nível, encarar o nosso adversário com todo o respeito, olhos nos olhos, para podermos fazer um bom jogo e trazer um bom resultado”, vincou. O Desportivo de Chaves visita o Marítimo, na segunda-feira, às 15:30, no Estádio dos Barreiros, no Funchal, em encontro da segunda jornada da I Liga de futebol.

Pesquisa

Partilhe

Email Netmadeira