2019-07-15 17:35:00 Jornal de Madeira

Casal canadiano mata um leão e tira uma foto a beijar-se junto ao animal morto

O casal Darren e Carolyn Carter, oriundo do Canadá, está a provocar uma tremenda polémica nas redes sociais. O casal, que realizava um safari no Kalahari, África do Sul, matou um leão e poucos minutos fotografou o momento dando um beijo. Na legenda da imagem pode ler-se: “Trabalho duro debaixo do sol quente do Kalahari… Bom trabalho. Um leão monstruoso”. De acordo com o jornal SOL, a viagem consistiu numa excursão realizada pela Legelela Safaris, uma operadora turística que tem por hábito publicar fotografias dos animais assassinados durante as excursões de caça que organiza. A Legelela Safaris tem ainda estipulados os preços para cada animal: se quiser, por exemplo, matar uma girafa tem de pagar 2800 euros; se optar por matar uma zebra o preço é de 2400 euros.

Post

Dois mortos e 1.200 desalojados por inundações na África do Sul

2019-12-12 01:15:37 Diário de Notícias da Madeira
Post

Cidade de Caracas e 16 estados com problemas no abastecimento de gasolina

2019-12-11 23:48:16 Diário de Notícias da Madeira
Post

Detidos na Dinamarca cerca de 20 suspeitos de planearem ataque terrorista

2019-12-11 23:39:20 Diário de Notícias da Madeira
Post

Johnson pede votos para evitar desastre e Corbyn pela esperança

2019-12-11 23:34:55 Diário de Notícias da Madeira
Post

Pintura rupestre de caça mais antiga do mundo descoberta na Indonésia

2019-12-11 23:12:39 Diário de Notícias da Madeira

Pesquisa

Partilhe

Booking.com

Email Netmadeira