2021-05-04 09:55:00 Jornal de Madeira

Adolfo Brazão pergunta pelo vai suceder aos agentes do SEF

Na terceira intervenção do dia, na manhã desta terça-feira no plenário madeirense, Adolfo Brazão colocou o foco na reestruturação dos Serviços de Estrangeiros e o deficiente serviço que diz que vem sendo prestado. Todavia, o deputado do PSD, ilibou de responsabilidades os seus profissionais, relevando “relevou o profissionalismo de quem lá trabalha”. Adolfo Brazão diz que “esta teria sido uma boa ocasião para se transformar aquele serviço, com resoluções técnicas que tornassem aquele serviço como Portugal merece e precisa ter”, mas até agora “tem sido um caos”. Nas suas preocupações colocou no topo, também, o que irá suceder aos agentes do agora ‘desmantelado’ e fusão com outras autoridades. Lopes da Fonseca foi ainda mais crítico. “É típico do PS quando foi o caso das dúvidas sobre as habilitações, fechou-se a Universidade Independente “Agora temos a infelicidade da morte de um cidadão ucraniano, fecha-se o SEF. E então os ministros não têm responsabilidade?”, questionou o líder parlamentar do CDS.

Sindicato dos Professores da Madeira vai a votos

2021-05-12 19:30:00 Jornal de Madeira

Hotel Quinta do Furão apoia Liga Contra o Cancro

2021-05-12 19:24:00 Jornal de Madeira

Madeira com mais 18 novos casos de covid-19

2021-05-12 19:05:00 Jornal de Madeira

Pesquisa

Partilhe

Booking.com

Email Netmadeira