Marcha do Orgulho LGBT quer juntar mais de 2 mil pessoas
A sexta Marcha do Orgulho LGBT no Porto decorre hoje a partir das 15:00 e pretende reunir mais de duas mil pessoas sob o lema: "Rejeitamos a austeridade, abraçamos a igualdade".

A organização quer chamar a atenção para questões por resolver no que toca aos direitos da comunidade LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais e Transgéneros) como, por exemplo, a reformulação da lei de mudança de nome e uma "lei de igualdade de género justa", disse à Lusa uma das organizadoras, Paula Antunes.

"Apesar de finalmente existir um esboço de uma lei de identidade de género, ainda há um longo caminho a percorrer na defesa de direitos essenciais, no combate ao estigma, ao preconceito e à exclusão", escrevem as 13 entidades responsáveis pela organização da sexta marcha no Porto no manifesto de 2011.

De acordo com Paula Antunes, do Caleidoscópio LGBT, a Marcha do Orgulho no Porto "tem crescido todos os anos" e, para hoje, a organização espera, pelo menos, atingir o número de 2010, que se fixou nas duas mil pessoas.

João Paulo, também da organização e fundador do PortugalGay.pt, afirmou à Lusa que "esta austeridade no comportamento social e socioeconómico vai afetar muito mais diretamente as minoria, do que o restante da população", pelo que importa sensibilizar a sociedade para as questões ligadas aos direitos LGBT.

Nesse sentido, João Paulo destaca que se vai realizar uma assembleia popular no final da marcha, de modo a conversar abertamente com quem quiser participar sobre as problemáticas ligadas a esta comunidade.

A comissão organizadora da Marcha do Orgulho LGBT do Porto inclui o Bloco de Esquerda, o Caleidoscópio LGBT, o GIS, Grupo Identidade XY, a Juventude Socialista, Panteras Rosa, Partido Humanista, Poly-Portugal, Ponto Bi, PortugalGay.pt, Rede PJIOMH, SOS Racismo e UMAR.

Na noite de hoje decorre, também, mas de forma separada, a 11ª. edição do Porto Pride, no Teatro Sá da Bandeira, que é, segundo João Paulo, "mais do que uma festa, é um evento solidário", uma vez que petende reunir um donativo a ser entregue à Sol - Associação de Apoio às Crianças Infetadas pelo Vírus da SIDA e suas famílias.

Diário Digital
Ler mais



Se ainda não gosta de nós no Facebook faça like