Sara Cerdas defende reforço do POSEI e justa distribuição dos fundos pelos bananicultores
A candidata do PS Madeira às eleições europeias reuniu-se, hoje, com um grupo de bananicultores, em Câmara de Lobos, para ouvir as suas preocupações. Na ocasião, Sara Cerdas deu conta de uma das linhas orientadoras do Manifesto Geração Madeira, que irão guiar os trabalhos no Parlamento Europeu, nomeadamente uma nova agenda para a agricultura, defendendo um reforço do POSEI no próximo quadro financeiro plurianual 2021-2027. Tal como afirmou a candidata socialista, atualmente, cerca de 70% do valor pago ao produtor por quilo da banana é financiado por fundos europeus, sendo que defendeu "um reforço do POSEI, de modo a melhorar os rendimentos", mas também a sua justa distribuição. Sara Cerdas destacou igualmente a importância da modernização do setor, da melhoria das condições de trabalho destes trabalhadores, garantindo também que existe uma manutenção das nossas paisagens, que são um cartaz de visita turístico da Região Algumas das preocupações transmitidas pelos bananicultores à candidata prendem-se com o modo como os fundos da União Europeia para a banana estão a ser distribuídos. Nesse sentido, Sara Cerdas garante que, durante o seu mandato, estará atenta para que os mesmos cheguem àqueles que trabalham na produção da banana.
Ler mais
Fonte: Jornal de Madeira

Mostrar mais notícias
Carregando...