CMF irá promover uma Biblioteca Humana
Madalena Nunes conclui que “projetos como o ‘Quebrar Correntes’ ou iniciativas como a ‘Biblioteca Humana’ inserem-se inteiramente nos princípios das Cidades Educadoras, que têm sido o fio condutor de toda a nossa gestão da cidade, e em todo o trabalho pioneiro que temos feito ao nível da igualdade de género no Funchal. Hoje, o Funchal é cada vez mais uma Cidade Educadora em todas as áreas, num trabalho de humanização da cidade que se vê e que se sente, e que coloca as pessoas no centro de todas as nossas políticas”.
Ler mais
Fonte: Diário de Notícias da Madeira

Mostrar mais notícias
Carregando...



Se ainda não gosta de nós no Facebook faça like