Pelo menos 38 mortos em dois atentados na Somália
O Al-Shabab tem tentado, desde 2007, derrubar o frágil Governo central da Somália, apoiado pela comunidade internacional e por mais de 20 mil soldados da força da União Africana (UA), composta por elementos vindos do Uganda, Burundi, Djibouti, Quénia e Etiópia.
Ler mais
Fonte: Diário de Notícias da Madeira

Mostrar mais notícias
Carregando...



Se ainda não gosta de nós no Facebook faça like