Livro de Conceição Pereira sobre desigualdades de género foi apresentado na CMF
Na cerimónia, a vice-presidente do município funchalense, Idalina Perestrelo, congratulou “a audácia, dedicação e esmero da Conceição Pereira na concepção de um livro que, de alguma forma, nos toca a todos, independentemente do género ou da idade”. “Esta é uma obra que evoca empatia, solidariedade e nostalgia, uma obra necessária na luta pela igualdade e pela inclusão, e uma voz capaz de eternizar as nossas raízes e todo o património histórico da nossa Região, bem como a evolução social e cultural que testemunhámos até os dias de hoje”, vincou, acrescentando: “O Município do Funchal tem assumido o compromisso de apoiar e dar visibilidade a causas que priorizem a igualdade, a inclusão social e a luta contra a violência e a discriminação, pelo que este é um momento que acolhemos e acarinhamos com enorme respeito e felicidade, na expectativa de que cada vez mais pessoas estejam dispostas a denunciar casos de desigualdade entre homens e mulheres, e que se juntem a esta luta de décadas.”
Ler mais
Fonte: Diário de Notícias da Madeira

2019-06-25 21:22:29
Mostrar mais notícias
Carregando...